Embaixada de Portugal em Espanha

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Portugal e Extremadura renovam Memorando de Entendimento para consolidar presença do ensino do português no sistema educativo autonómico

O Embaixador de Portugal em Madrid, Francisco Ribeiro de Menezes, e a Conselheira de Educação e Emprego, Esther Gutiérrez Morán, na presença do Presidente da Junta da Extremadura, Fernando Vara, assinaram , ontem, o novo Memorando de Entendimento entre o Camões, Instituto da Cooperação e da Língua, I.P. e a Junta de Extremadura para a consolidação  do ensino da língua portuguesa na Comunidade Autónoma da Extremadura e reforçar o desenvolvimento de iniciativas transfronteiriças em matéria de formação, ensino, aprendizagem e promoção das línguas e culturas portuguesa e espanhola no âmbito não universitário daquela comunidade.

A assinatura do novo memorando reforça a estreita colaboração existente entre a Junta da Extremadura e o Camões, I.P. reconhecendo-se assim a importância crescente do ensino da língua portuguesa nesta comunidade autónoma.

O Embaixador de Portugal  em Madrid, Francisco Ribeiro de Menezes, sublinhou que o novo Memorando constitui mais um incentivo para continuarmos a trabalhar para o conhecimento das línguas e culturas de  Portugal e Espanha e explorarmos o potencial que ambas representam como língua de trabalho num mundo global.

Segundo dados facultados pela Conselheira de Educação e Emprego da Extremadura houve um aumento de 80% do número de alunos que aprendem português. Indicadores recentes mostram que, durante o presente ano lectivo, frequentam o ensino da língua portuguesa nesta Comunidade Autónoma, no sistema educativo não universitário, 19 mil discentes.

A Extremadura representa a comunidade autónoma com maior número de alunos em PLE e assegura a lecionação do português através de uma rede docente composta por 150 professores.

A presença da rede EPE Espanha na Extremadura tem contribuído para o reconhecimento da língua portuguesa como língua de trabalho e de ciência, através da coadjuvação de tarefas na área da lecionação, assim como no desenvolvimento de um plano de ação cultural e formativo permanente sob tutela da Coordenação de Ensino.

 

Assinatura do Memorando de Entendimento

Partilhar:
FacebookTwitterGoogle +E-mail